Carlos Geilson anuncia apoio a Colbert; diálogo teve participação de ACM Neto

Não só José de Arimateia recebeu uma ligação do prefeito Colbert Martins (MDB), ainda no domingo (15) de Eleições, após a apuração dos votos. O candidato à reeleição, que disputa o segundo turno com Zé Neto (PT), também conversou com o radialista e ex-deputado estadual Carlos Geilson (Podemos) sobre apoio na campanha.

Geilson foi candidato a prefeito de Feira de Santana e ficou em quinto lugar com 12. 689 votos (4,40%). Ele  aunciou o apoio a Colbert durante em entrevista coletiva no auditório de um hotel da cidade, nesta quinta-feira (19).

Ao Acorda Cidade, o radialista declarou que o município precisa de uma boa interlocução com o governo federal e optou, nas palavras dele, “por uma mudança mais equilibrada”.

“Feira de Santana precisa ter um governo com interlocução com o governo federal. Se a cidade for para outras mãos vai se sentir isolada. Feira não pode ser uma ilha, o prefeito não pode ser sectário, tem que dialogar, tem que conversar, e o atual prefeito tem bom trânsito com o presidente Bolsonaro. Precisamos fortalecer esse bom trânsito para que Feira possa crescer no caminho do progresso e do desenvolvimento. Feira não pode ter uma mudança sectária, radical, precisa de uma mudança equilibrada. É isso que nós propusemos durante a campanha.  Apostar entre uma mudança radical com várias pessoas desempregadas, Feira sendo transformada numa resistência petista, para um enfretamento na próxima eleição de governo do estado ou fazer uma opção por quem vai dar continuidade a essas obras e o desenvolvimento de Feira”, declarou.

Carlos Geilson disse ainda que vai tentar convencer o prefeito em relação à situação dos camelôs. “Precisamos valorizar, ambulantes e camelôs, vai ser uma luta nossa e com certeza eles vão lograr êxito”, afirmou.

Colbert e ACM Neto

Colbert informou que convencer Geilson não foi fácil e sem se aprofundar no assunto, disse que o prefeito de Salvador ACM Neto teve uma participação decisiva neste diálogo.

“Conversamos no último domingo. Carlos Geilson esteve comigo dialogando, e teve uma participação muito importante e decisiva do prefeito ACM Neto. Na segunda e terça-feira essas conversas se desdobraram e Geilson retorna à casa de onde ele nunca devia ter saído. Estamos aqui lutado, Geilson muito antes de mim com esse time que ele sempre apoiou. Não foi fácil convencê-lo porque Geilson tem compromissos específicos, mas o que foi preciso ser resolvido foi, e ele está aqui hoje dando uma demonstração clara de que as questões, como foram colocadas permitem que ele tenha uma explicação convivente e permite que Feira de Santana tenha resultados positivos com isso”, disse

MDB Bahia

Veja também

Deixe um comentário